Cada povo tem o que merece

É cada vez maior a minha desilusão com a política e com o povo deste Brasil:

Collor sobe 10 pontos e pode virar senador

Até pouco tempo atrás, eu acreditava que os brasileiros tinham um problema sério de amnésia, o que poderia explicar, pelo menos em parte, absurdos como esse. Mas com os acontecimentos recentes envolvendo toda a trambicagem e roubalheira do atual governo, e as pesquisas indicando que isso não afetou em nada a popularidade do atual presidente (que nunca sabe de nada e portanto deve ter alguma doença séria no cérebro), minha teoria foi por água abaixo. Creio então que a população sofre de um misto de amnésia de fatos antigos somado ao Mal de Alzheimer.

É o fim da picada… o mundo está sendo governado por tranqueiras a nível de Bush, Lula, Evo Morales, sem falar em alguns lunáticos do Oriente Médio, etc. O pior de tudo é saber que na grande maioria dos casos, esses caras só estão lá porque o povo quis assim.

E alguém ainda tem dúvida de como será o apocalipse?! Salve-se quem puder!

Enquanto o povo não entender que o “lazarento” que eles colocam pra governar vai afetar diretamente suas vidas, estamos fadados a ter que aguentar esse tipo de coisa.

Turbo Delphi

Turbo

“Antes tarde do que nunca…” espero que esse ditado seja válido no caso das novas versões do Delphi que estão sendo lançadas pela “Borland/DevCo”.

As versões Turbo são semelhantes ao Borland Developers Studio, com algumas diferenças:

  • Suportam apenas uma linguagem (Pascal, C++, C#…)
  • Suportam apenas uma plataforma: ou .Net ou Win32
  • Possuem uma versão FREE, que pode ser usada sem restrição para gerar softwares comerciais ou não. A limitação é que não é possível adicionar componentes de terceiros nessa versão.
  • A versão professional será vendida por um preço bem mais barato do que o BDS, e não tem a limitação da versão gratuita, referente aos componentes de terceiros.

Como usuário “jurássico” do Delphi, torço para que as novas iniciativas tragam o Delphi para o topo do ranking, lugar de onde ele definitivamente não deveria ter saído, se não fosse pelas consecutivas “cagadas” da Borland.

Mais informações sobre as versões Turbo podem ser obtidas aqui ou no FAQ.