FDD – contagem regressiva!

O site do FDD acaba de entrar no ar, e agora começa a contagem regressiva para o evento. Apesar da experiência adquirida durante todos os anos realizando os DDDs e FDDs, é sempre uma grande expectativa aguardar pelo próximo evento.

Tenho muito orgulho de poder oferecer à comunidade brasileira um evento de alto nível, por um preço acessível, e que se tornou o maior evento de Firebird no mundo (em número de participantes)! Para muitos, o FDD é a única oportunidade de ter contato direto com os core developers quem vêm do exterior para palestrar no evento.

Nas edições anteriores, tivemos a presença de Ann Harrison e Jim Starkey, Dmitry Yemanov, Alexey Kovyazin, Dmitry Kuzmenko, e este ano teremos a presença de Vlad Horsun, que estará visitando o país pela primeira vez! Vlad é um amigo de longa data. Tive a alegria de encontra-lo diversas vezes nas conferências internacionais, e não demorou muito para perceber a grande mente que se esconde atrás de uma pessoa humilde e até certo ponto tímida.

Confesso que a crise internacional está contribuindo para aumentar minha apreensão. Este ano, está sendo mais difícil fechar patrocínios, pois  muitas empresas estão cortando gastos, mas o importante mesmo é o apoio e a lealdade da comunidade brasileira, que vem, durante anos, prestigiando o FDD. Tenho certeza que este ano não será diferente e poderei contar com este apoio novamente e, quem sabe, teremos mais um recorde de público!

Crise Internacional e o Firebird

Diferente do que o nosso presidente diz, ninguém está imune a crise financeira, e isso inclui a Fundação Firebird, que paga os salários dos desenvolvedores do FB. O projeto hoje tem 3 desenvolvedores trabalhando “full time”  e mais dois que recebem por horas trabalhadas.

A questão é que a maior parte das reservas da Fundação não está em dólar, mas os “salários” são indexados em USD. A repentina “valorização” da moeda americana em todo o mundo acaba afetando diretamente as reservas da Fundação.

Independente disso, o Firebird tem milhões de usuários em todo o mundo, mas somente uma pequena parte contribui financeiramente com o projeto. Se tomarmos por base o Brasil, que tem a maior base de usuários de Firebird no mundo, o número de contribuições é mínimo 🙁

Sendo assim, eu peço a todos vocês que tenham condições de ajudar o projeto, seja associando-se à fundação, ou mesmo fazendo uma doação esporádica (de qualquer valor), que façam isso agora.

Tornar-se um membro associado da Fundação custa apenas US$ 50 (por ano!). Para quem pode contribuir com mais dinheiro, ainda há opção de se tornar um membro votante (US$ 300/ano, que pode ser divido em 12 pagamentos de US$ 25). Grandes empresas, com dezenas ou centenas de clientes e que usam o Firebird nos seus sistemas, podem também se tornar patrocinadores do projeto!

Independente da opção escolhida, o processo de afiliação ou doação é muito simples, e a única coisa que você precisa ter é um cartão de crédito internacional, ou uma conta no PayPal, ou fazer uma transferência bancária internacional (Swift).

SE VOCÊ QUER VER NOSSO PÁSSARO EVOLUINDO CADA VEZ MAIS RÁPIDO, ESTÁ NA HORA DE DAR UMA FORCINHA 😉

Para mais informações sobre o assunto e ver os links de associação, acessem o artigo em www.firebase.com.br/fb/artigo.php?id=1452

Espero que muitos dos que estão lendo essa mensagem se conscientizem da importância de apoiar o projeto economicamente, e que tomem uma atitude quanto a isso. Independente da quantia, a simples ação de descruzar os braços pode fazer uma grande diferença!

Conferência Internacional de Firebird – FIM

Quando se está em boa companhia, o tempo realmente voa! Esses três dias em que estive na conferência internacional foram realmente muito gratificantes e divertidos. Apesar de toda a complicação e problemas de última hora que uma viagem internacional pode gerar, quando os amigos começam a chegar o clima é tão bom que esquecemos de tudo.

Esse ano tive a oportunidade de encontrar o Marco Cantu, famoso autor de livros de Delphi, e provavelmente um parente distante. Marco é uma pessoa divertida, e apesar da fama, continua uma pessoa muito simples!

Outra pessoa muito divertida é o Marius Popa, ativo colaborador do site FirebirdNews, e que até então só conhecia via email. Além do que, também toca guitarra e gosta de Heavy Metal, nem preciso falar que nos entendemos muito bem! 😉

Infelizmente, quando se está aqui, fica difícil arranjar tempo para blogar. Postei mais algumas fotos no Picasa. Nos próximos dois dias vou tentar passear um pouco, antes de voltar ao Brasil.

1 2 3 4 6